Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Saltou-me a tampa... da gasolina

por Sakura, em 02.07.13
Há pouco tempo abriu perto de minha casa uma bomba de combustível low cost

Eu e o H. esfregámos as mãos de contentes, pois os nossos passeios ficariam mais sustentáveis. Como bons pelintras que somos, nunca atestamos o depósito: seleccionamos sempre a opção "montante fixo" (designação que inventei agora).

Aquilo é muito moderninho, seleccionamos o montante, colocamos o combustível no depósito e depois nem temos de sair do carro para pagar. É só guiar o carro até a uma "casinha", onde o procedemos ao pagamento.

Tudo maravilhoso até agora... Porém, o raio da bomba nunca, mas NUNCA, trava no montante que seleccionámos. Se não estivermos com atenção,  temos de pagar mais 1€, 5€ ou mesmo 10€ (sim, já me aconteceu...).

E sim, já me certifiquei que cumpro com todas as instruções para que aquilo funcione!

Bastante farta de toda esta situação, falei com a funcionária do posto. Muito simpática, disse-me que, no dia anterior, uma senhora se queixou do mesmo e garantiu-me que iria reportar ao seu superior. Isto aconteceu há cerca de duas semanas.

Nova ida à bomba de combustível. Domingo. Por milagre, ninguém para abastecer. Mais um vez certifiquei-me que fiz tal e qual as instruções, o H. também se certificou, começamos a encher o depósito, olhos fixos no monitor, 9€... 9,50€... 9,98€... Sustenho a respiração... 10,10€... PÁRA! PÁRA! PÁRA! (dizia eu de dentro do carro)... Total final: 10,53€...

Já dizia o outro: chateada? Claro que fico chateada!

Chego para fazer o pagamento e digo ao funcionário: "Quero pagar a bomba 1 e apresentar uma reclamação".

"Apresentar uma reclamação? Mas que reclamação é que quer apresentar?", pergunta ele com um sorriso trocista.

Explico a situação, frisando que me certifiquei que cumpri com as instruções.

"Ai cumpriu com as instruções? Então diga-me lá que instruções foram essas? Vá, diga!"

Por dentro sentia-me uma panela a ferver, mas tentei manter a calma. Expliquei tintim-por-tintim.

"Se cumpriu com isso, então aquilo pára! Se quiser eu vou lá explicar-lhe!" - não sei se ao ler isto dá para depreender o tom do senhor. Mas garanto-vos que era nada mais nada menos que "você é mulher, logo deve ser burra".

Antes que eu partisse para a violência, o H. diz que o senhor pode ir lá explicar, mas ainda assim queremos falar com o gerente.

O funcionário faz uma chamada telefónica e mantendo a mesma postura trocista e gozona, pede que a gerente de loja se dirija à zona das bombas de combustível, porque "está aqui uma senhora que querer apresentar uma reclamação..." (suspiro de desdém).

Para permitir às restantes pessoas fossem à sua vida, mudei o carro de lugar e esperei que a gerente chegasse. No entretanto, fui calçando as minhas luvas de combate "argumentativo". Eu tenho direito, por lei, a apresentar uma reclamação. E o direito moral e ético a ser tratada com respeito. Ou este mundo está louco?

Felizmente, a gerente era uma pessoa muito educada e civilizada. Pediu detalhes sobre o que se estava a passar, até para poder chamar a assistência para resolver o assunto. E pediu muita desculpa pelo comportamento do colega.

Decidimos não escrever no livro de reclamações (juro que ia fazer duas reclamações, uma sobre a bomba e outra relativa ao comportamento do funcionário). Agora espero, sinceramente, que resolvam o assunto, porque se isto se repetir, de certeza que apresento reclamação.



Autoria e outros dados (tags, etc)



Quem é a Sakura?

O meu nome é Raquel Lemos. Sakura significa “Flor de Cerejeira” em japonês; escolhi-o pela sua sonoridade e pela beleza das flores de cerejeira. A ideia de criar um blogue nasceu da pergunta «E porque não?»; admito que não venho aqui muitas vezes para escrever... o Blackberry Pancakes funciona mais como uma terapia: pequenas ideias que vou deixando (que se não revolucionam o planeta, ao menos revolucionam o meu mundo!) Obrigada a todos!


Facebook


Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2007
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2006
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D