Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Já disse que não era pelo dinheiro!

por Sakura, em 21.06.07
De certo que já por diversas vezes na vossa vida se deparam com os chamados «sapos» que todos temos de engolir. Umas vezes porque não queremos causar ondas, outras porque não queremos estar a comprar uma batalha, outras até porque é melhor estarmos calados senão quem fica prejudicado somos nós.
Mas se passamos a vida a engolir «sapos», mesmo aqueles que não deviamos, chega a uma determinada altura em que pura e simplesmente nos passamos! Foi exactamente isso que me aconteceu:
Não gosto muito de começar batalhas e por diversas vezes fui engolindo coisas, que o único efeito que tiveram foi o de me deixar ainda mais frustrada comigo própria por não ter conseguído fazer frente. Mas acontece que chegou o dia em que o tigre adormecido acordou...
A questão envolvia dinheiro que me estavam a dever. Não que me fizesse propriamente falta, mas como eu já conhecia a «peça» em questão, fui pacientemente lhe lembrando da «dívida»... À primeira cara de má fingi não ligar; à segunda atitude de ofendida, quis acreditar de que estava a ter um dia mau e que ela me iria pagar em breve. O tempo foi passando e a dita pessoa chegou ao cúmulo de não me dirigir palavra, talvez com medo de que lhe fosse pedir o dinheiro! Aí, passei-me! Já não estava disposta a ser mais benevolente!
Podem estar vocês a pensar «tanto escândalo por uma ninharia?», mas NÃO ERA PELO DINHEIRO. Era uma questão de princípios!!!
Passar por mim e fingir que não me comece, ser mal-educada, fazer-me pôr em causa a minha própria personalidade, mas quando lhe dá jeito saber vir fazer perguntas e pedir ajuda!?!?
Desculpem, mas aí a rolha saltou! Se fosse necessário, naquele dia, haveria alguém que iria para casa com um livro esborrachado na cara (e não seria eu!).
Eu juro-vos que não percebo que mundo é este em que vivemos...
Que raio de pessoas somos nós, se os nossos valores máximos são a sacanice e a hipocrisia? Pomos no dedestral aqueles que sabem chegar mais à frente nem que para isso tenham de «abater» uns quantos pelo caminho. Não sabemos o que é a honestidade, humildade,... Honra?! Que é isso? Não consta no meu dicionário.
Expliquem-me, porque ou ainda não vi o fundo da questão ou então não pertenço a este mundo...

Autoria e outros dados (tags, etc)


1 amora

Sem imagem de perfil

De JoaoPedro a 27.09.2008 às 21:41

Ui! :P como eu te percebo... ;)
Emprestei um livro de partituras do Mário Laginha a um colega já há mais de 2 anos! Nunca mais o vi... Ao livro, porque a ele vejo-o várias vezes, e a desculpa é sempre diferente: "não o encontrei", "já o encontrei mas entretanto devo tê-lo deixado lá em cima de uma mesa", "trago-to amanhã", "hoje só comi uma maçã durante todo o dia, não tive tempo nenhum, nem sequer para ir a casa buscar o teu livro", "hei-de o encontrar", "está por lá", "acho que sei em que prateleira está"... A derradeira desculpa foi "lamento, parto para a Holanda daqui a uma semana e vou lá ficar alguns anos a estudar. Os meus pais hão-de arranjar maneira de fazer o livro chegar até ti"... O QUÊ?!?!?!?!?!? Curiosamente, o referido senhor está agora em Hague, onde não o consigo contactar, não tenho o contacto dos pais dele e, pelos vistos, eles tb n devem ter o meu, porque ainda não me contactaram! E as minhas partituras que até estavam autografadas pelo Mário Laginha, com uma dedicatória e tudo... :S

Comentar post



Quem é a Sakura?

O meu nome é Raquel Lemos. Sakura significa “Flor de Cerejeira” em japonês; escolhi-o pela sua sonoridade e pela beleza das flores de cerejeira. A ideia de criar um blogue nasceu da pergunta «E porque não?»; admito que não venho aqui muitas vezes para escrever... o Blackberry Pancakes funciona mais como uma terapia: pequenas ideias que vou deixando (que se não revolucionam o planeta, ao menos revolucionam o meu mundo!) Obrigada a todos!


Facebook


Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2007
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2006
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D