Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Sharknado é um telefilme do ano de 2013 do canal Syfy, que relata um desastre envolvendo um furacão que resulta em vários tornados e tubarões, que são arrancados do Oceano Pacífico e são depositados na cidade de Los Angeles - fonte Wikipédia.

Tornados... Ok. 
Tubarões... Muito visto, mas ok. 
Tubarões que são tirados do mar por tornados e andam pelos ares... Humm... no mínimo estranho.

"É uma produção de baixo custo..."
Está explicado: pouco investimento na secção de argumentistas.
Este filme foi notícia, pois de tão mau que é, tornou-se um autêntico sucesso de bilheteira nos Estados Unidos. Todos quiseram ver que filme era este que a crítica cinematográfica arrasou!

Um dos protagonistas do filme disse, em entrevista, que ao ler partes do guião, pensou: "A sério?! Eu vou mesmo fazer isto?".

Não sei se foi marketing bem estudado ou puro acaso, mas que é um golpe publicitário genial, é!

Este filme está entre os mais vistos nos Estados Unidos, tem estreia marcada para vários outros países e já circulam rumores de uma sequela para o próximo ano. A receita é simples: "Tão mau que se tornou tão bom!". 

Este filme é o claro exemplo de como funciona a mente humana. Deve haver alguma teoria freudiana que o explique. Quantas vezes não ouvimos pessoas a dizer que não vêem aquele programa de Trash-tv, mas sabem quem participa, as histórias, o que aconteceu?
Ou aquela música considerada pimba e de mau gosto, mas que todos sabem a letra? Por exemplo, a nova música da Kátia Aveiro, a irmã do Cristiano Ronaldo. 

Não acho que o talento musical da senhora seja grande coisa, mas a verdade é que num mês já teve mais de um milhão de visualizações no youtube. Eu própria fui ver do que se tratava!

É mau... mas o bichinho da curiosidade adora este tipo de coisas!


Autoria e outros dados (tags, etc)



Quem é a Sakura?

O meu nome é Raquel Lemos. Sakura significa “Flor de Cerejeira” em japonês; escolhi-o pela sua sonoridade e pela beleza das flores de cerejeira. A ideia de criar um blogue nasceu da pergunta «E porque não?»; admito que não venho aqui muitas vezes para escrever... o Blackberry Pancakes funciona mais como uma terapia: pequenas ideias que vou deixando (que se não revolucionam o planeta, ao menos revolucionam o meu mundo!) Obrigada a todos!


Facebook


Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2007
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2006
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D