Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




O gang do palito!

por Sakura, em 05.08.08
Poucos podem saber a que se refere a expressão «gang do palito», mas hoje, ao folhear velhas fotografias num álbum já esquecido numa prateleira, lembrei deles...
Já pouco ou nada (talvez só memórias) restem do gang: caminhos diferentes, distâncias, desentendimentos, opções distintas... levaram à sua "dissolução". No entanto, apesar de desfeito, há algo que sobrevive e foram as mesmas fotografias que me reavivaram a memória e me fizeram perceber disso.
O gang do palito existiu e nada o pode apagar! Aquelas fotografias na Serra da Estrela - os 11 -, alinhados a fazer pose - os 3 -, eu a choramingar - os 2... Tudo isto existiu e faz parte da minha/nossa vida.
Nenhuma fotografia mostra um momento de tristeza: são os momentos de felicidade que são eternizados. São estes momentos que permanecerão na nossa memória, vivos em imagens, em videos.
São estes momentos que nunca devem ser esquecidos, pois são eles que fizeram de mim quem sou!
Apesar de só restarem lembranças, de muito ter mudado desde então: sou quem sou graças a eles e hoje digo:
Para sempre, gang do palito...

Autoria e outros dados (tags, etc)

...cortaram o meu pé de laranja lima.

por Sakura, em 01.08.08
Não permitam que as crianças deixem de sonhar!
Zézé, em O meu pé de laranja lima, era um rapazito pobre, mas que no meio da sua pobreza soube construir um castelo de sonhos... Ele soube sonhar, soube esconder(-se d)a realidade: as surras que levava por tudo e por nada (mais por nada do que por tudo). E soube encontrar ternura e abrigo no seu reino de fantasia.
Já dizia o poeta: porque o melhor do mundo são as crianças! E nunca tanto como hoje eu senti isso. São as crianças que conservam a pureza num mundo cinzento de adultos (adultos, estes, que deixaram de saber sonhar).
Criança ri sem falsidade, dá abraços sinceros. São elas que mantêm viva a esperança!
Por favor, não deixem que as crianças parem de sonhar! Não deixem que se apague o brilho do seu olhar, não deixem que cresçam para um mundo onde não existe ternura - triste é aquele que já não sabe sonhar...
Por favor... «PORQUE CONTAM AS COISAS ÀS CRIANCINHAS?»

Autoria e outros dados (tags, etc)


Quem é a Sakura?

O meu nome é Raquel Lemos. Sakura significa “Flor de Cerejeira” em japonês; escolhi-o pela sua sonoridade e pela beleza das flores de cerejeira. A ideia de criar um blogue nasceu da pergunta «E porque não?»; admito que não venho aqui muitas vezes para escrever... o Blackberry Pancakes funciona mais como uma terapia: pequenas ideias que vou deixando (que se não revolucionam o planeta, ao menos revolucionam o meu mundo!) Obrigada a todos!


Facebook


Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2007
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2006
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D